ESPAÇO MULHER VIDA & BEM ESTAR

Por amor ou por dinheiro?

Jennifer Lobo 1.0
Written by Redação

Especialista esclarece dúvidas sobre o relacionamento sugar.

Dedicação, cumplicidade e amor são ingredientes para qualquer relacionamento. Mas eles não são suficientes para uma relação dar certo se não houver um acréscimo de transparência e honestidade. É exatamente nesse ponto que entra o modelo sugar. Para Jennifer Lobo, matchmaker e CEO do Meu Patrocínio (maior site de relacionamento sugar), o diferencial desse tipo de relação para as convencionais é que aqui assuntos tidos tradicionalmente como tabus são discutidos, como, por exemplo, a questão financeira.

“Seria muito mais fácil se as pessoas conversassem sobre dinheiro antes de manter qualquer relação. É esperado que, ao se envolver com alguém, os objetivos e desejos sejam postos em xeque para que não haja conflitos e falsas expectativas”, opina. Ela pontua ainda que é justamente essa a ideia do site: unir pessoas com os mesmos objetivos e interesses, já que assuntos inerentes às finanças são previamente acordados.

O conceito sugar já é bastante conhecido nos Estados Unidos e na Europa, mas no Brasil ainda há certa resistência. No entanto, a CEO esclarece que isso está mudando e diz que as pessoas vêm procurando mais informações sobre o tema. Ela diz ainda que relacionamento sugar sempre existiu na história da humanidade. “Desde a época das cavernas era assim, o homem é o provedor da casa, isso aconteceu inclusive com os nossos pais. A diferença é que com a praticidade do mundo atual já deixamos tudo muito bem definido para não termos problemas futuros”, esclarece.

Mas será que há amor em uma relação cujo interesse principal é o dinheiro? Jennifer Lobo, que recentemente lançou o livro “Como conseguir um homem rico”, diz que sim, é possível aliar as duas coisas. “Você não precisa escolher entre amor e dinheiro. Você pode ter tudo!  Não há mal algum em sonhar com alguém que você se apaixone e ainda lhe traga segurança financeira”, ressalta.

Capa do livro

A matchmaker explica ainda que o Meu Patrocínio pode ser um patrocínio intelectual, networking e inclusive, o melhor estilo de vida. “O foco é um bom relacionamento, com química, afinidade a qual pode juntar amor e dinheiro”, diz.

O sucesso do site é comprovado pelos generosos números — são mais de 200 mil cadastrados. A maioria são sugar babies a procura de sugar daddies, que ultrapassa 25 mil homens disponíveis na plataforma. Mas há também sugar mommies e babies masculinos, além disso, recentemente foi criado o MP Gay com a finalidade de atender ao público LGBT.

Sobre o Autor

Redação

Deixe um comentário