ESPORTES

O sonho acabou, mas fica a história.

australia
Written by Marcelo Belotti

Por Rafael Costa Soares

A quase dois meses atrás postei uma matéria sobre o possível sonho da Síria jogar a Copa do mundo. O sonho acabou nessa madrugada, quando o time perdeu para a Austrália.

Na quinta feira(05/10) no primeiro jogo time jogou em “casa”. Mandando seu jogo na Malásia, o jogo terminou empatado por 1a1. Kruse fez o gol da seleção australiana. E Omar Al Somah fez o gol de empate, aos 40 minutos do segundo tempo, de pênalti. E por pouco os sírios não venceram o jogo, depois do empate ainda colocaram uma bola na trave.

Na madrugada de hoje(10/10) perderam o jogo por 2a1. Mas deram trabalho para a Austrália em Sydney.
Omar Al Somah sempre ele abriu o placar no começo do jogo, aos 6 minutos. Mas logo depois aos 13 minutos, o veterano Tim Cahill empatou, como ele gosta fazendo de cabeça.

O jogo se estendeu até a prorrogação. E nela a Síria ficou com um a menos, quando Al Mawas foi expulso. E aos 4 minutos do segundo tempo da prorrogação, Tim Cahill aos 37 anos apareceu de novo na área, para cabecear e fazer o gol da classificação australiana.

O final do jogo ainda guardou um lance com requintes de crueldade. No último lance do jogo Omar Al Somah bateu um falta e a bola bateu na trave e foi pra fora.  Caso o gol tivesse saído a Síria se classificaria, por causa do gol fora.

O sonho acabou mas a história não. A Síria lutou desde o primeiro jogo. Sofreu ao não poder jogar em seu país, jogando a mais de 10 mil km, não podendo jogar para o seu povo. Mas lutou até o último suspiro, tentando a vaga para a Copa do mundo.

Parabéns a seleção Síria.
“Não é só futebol, não é apenas um jogo”

Sobre o Autor

Marcelo Belotti

Deixe um comentário