ESPORTES

Corinthians vence Palmeiras no Allianz Parque e segue na liderança do Brasileirão.

O Corinthians venceu o clássico contra seu arquirrival Palmeiras por 2×0 na noite desta quarta-feira no Allianz Parque. Os gols da partida foram marcados por Jadson e Guilherme Arana. O Palmeiras viu chegar ao fim uma invencibilidade de 28 jogos em sua arena, enquanto o Corinthians abriu uma vantagem de 12 pontos para o agora vice-líder Santos.

Primeiro tempo

O Palmeiras, como esperado, começou dominando o jogo, fazendo rápidas investidas ao ataque, enquanto a equipe visitante buscava explorar os contra-ataques.

Em uma jogada corintiana Romero recebeu na linha de fundo e rolou para Arana dentro da área, até que Bruno Henrique fez a falta, o árbitro Leandro Pedro Vuaden marcou pênalti. Jadson bateu no canto direito de Prass e abriu o placar para o Corinthians.

A equipe palmeirense seguiu buscando o ataque e quase empatou a partida. Dudu fez o cruzamento e Edu Dracena cabeceou para a marca do pênalti. Thiago Santos dividiu com Cássio e a bola ainda sobrou para Róger Guedes, mas o atacante foi travado na hora do chute.

No restante do primeiro tempo o Corinthians se manteve firme e conseguiu segurar a pressão palmeirense.

Segundo tempo

O segundo tempo voltou e com ele as tentativas dos donos da casa em empatar a partida. Corinthians e Palmeiras passaram então a fazer um jogo de ataque contra defesa.

Até que aos 19 minutos valeu a velha máxima do futebol, “quem não faz leva”. Em um contra-ataque do Corinthians, Romero encontrou Arana, que seguiu na lateral e chutou no canto de Prass ampliando o placar.

O jogo seguiu sem maiores novidades, com o Palmeiras buscando o placar, mas sem oferecer maiores perigos a defesa corintiana.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS X PALMEIRAS

Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)

Data: 12 de julho de 2017, quarta-feira

Horário: 21h45 (de Brasília)

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)

Assistentes: Jose Eduardo Calza (RS) e Mauricio Coelho Silva Penna (RS)

PALMEIRAS: Fernando Prass; Tchê Tchê, Mina, Edu Dracena e Egídio; Thiago Santos, Bruno Henrique e Guerra; Dudu, Róger Guedes e Willian

Técnico: Cuca

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Maycon, Jadson, Rodriguinho e Romero; Jô

Técnico: Fábio Carille

 

Sobre o Autor

Gabriel Zuccolotto

Comunicador Social - Jornalista e fã de esporte.

Deixe um comentário